sexta-feira, 7 de março de 2008

Running the Numbers - A arte de Chris Jordan

Fantástica série de fotografias pretensiosamente critícas ao estilo de vida norte-americano (e de muitos outros lugares também) ligado ao consumo desenfreado e às práticas pouco saudáveis.
As imagens geradas constróem graficamente os números amedrontadores desta nação. Mas chega de verbo e vamos direto às aclamadas:



Imagem feita a partir de 125.000 notas de cem dólares ($12,5 milhões, portanto) - a quantidade gasta a cada hora na Guerra do Iraque.

Réplica de Tarde de domingo na ilha La Grand Jatte, de Georges Seurat, com 106.000 latas de alumínio (número utilizado a cada 30 segundos nos E.U.A.). Grande sacada, visto que Seurat foi o impressionista que mais se aprofundou na técnica do pontilhismo.


170.000 pilhas descartáveis Energizer, proporcional à produção industrial de cada 15 minutos desta marca. Detalhe para o nuance cromático que gera o texto, apenas girando a pilha da área esbranquiçada para a área mais escura.



Imagem com nove milhões de blocos infantis de alfabeto - número igual ao de crianças sem seguro de saúde nos E.U.A. em 2007.



Feita com 32.000 bonecas Barbie, a imagem representa as cirurgias de aumento de mama - de mesmo número - realizadas mensalmente nos Estados Unidos em 2006.

Confira o site do cara as outras obras desta série, que derrubou meu queixo em algum lugar da minha sala. Já já encontro ele.


UPDATE

Essas minhas montagens toscas em corel realmente deixaram a desejar. Não deixe mesmo de entrar no site do cara para vê-las em tamanhos razoáveis.

2 comentários:

Lilian disse...

esse post tem um cunho meio michael moore mas não deixa de ser interessante =] fora americanos futeis ^^

micaman disse...

consumismo desenfreado...